Topo
Bala na Cesta

Bala na Cesta

CBB lança seu Campeonato - torneio começa em 09/03 e terá 8 equipes

Fábio Balassiano

06/02/2019 04h01

A CBB anunciou oficialmente no final da tarde de segunda-feira o lançamento de seu campeonato. Será o protótipo de sua segunda divisão em 2020, se inicia no dia 09 de março e contará com 8 equipes. São elas:

Araraquara (São Paulo), Cravinhos Basketball (São Paulo), Brusque Basquete (Santa Catarina), Blackstar Basquete (Santa Catarina), Novo Basquete Ponta Grossa (Paraná), São José dos Pinhais (Paraná), Liga Sorocabana (São Paulo) e São João da Boa Vista (São Paulo). Na fase inicial as equipes jogarão entre si em turno e returno e os quatro melhores classificados avançam ao Final Four. A apresentação oficial do Campeonato está agendada para 12 de fevereiro (terça-feira), às 16h (de Brasília), em Sorocaba (SP).

Deste canto eu só espero algumas coisinhas:

1) Que CBB e Liga Nacional sentem, conversem e se alinhem para deixar BEM CLAROS os critérios sobre a possibilidade do campeão do torneio da Confederação na temporada de 2019/2020 disputar o NBB em 2020/2021;

2) Não seria possível que a CBB revisitasse a sua forma semântica de comunicar o seu campeonato ao público? Do jeito como ela se refere ("Campeonato Brasileiro Masculino de Clubes"), e eu já falei sobre isso aqui há algum tempo, causa mais confusão na cabeça de quem (pouco) acompanha a modalidade do que explica as coisas. Qual a intenção disso? É preciso deixar muito claro, e sem desmérito algum, que o torneio da entidade máxima é a divisão de acesso ao NBB, este sim o principal campeonato de basquete profissional no Brasil;

3) Aqui não é uma crítica, mas sim uma ponderação importante e também no intuito de ajudar a esclarecer alguns pontos. Entendo todas as dificuldades, financeiras, de prazo e também de montagem dos elencos, mas seria importante que a comunicação fosse um pouco mais clara. Exemplo. Está na nota da CBB: "Além do Campeonato Brasileiro, a Confederação Brasileira de Basketball (CBB) realizará as Copas Brasil Regionais, que a partir da próxima temporada darão vaga ao referido campeonato, desde que os clubes classificados atinjam os requisitos previstos no regulamento". Que critérios são esses? Que requisitos? Onde podemos consultar essas questões?

São alguns itens importantes, e desejo sorte à Confederação com seu campeonato que em 2020 substitui a Liga Ouro, organizada pela Liga Nacional e que dá acesso ao NBB. É um começo de etapa para Guy Peixoto, o presidente da CBB, e seus diretores, e é importante, até pelo momento do esporte, de busca incessante por credibilidade, que tudo seja muito claro para os stakeholders de forma a não deixar dúvida sobre que produto se trata e qual a governança que há por trás dele.

Acredito nas ótimas intenções de Guy, e é por isso que é necessário deixar tudo isso bem claro.

Sobre o blog

Por aqui você verá a análise crítica sobre tudo o que acontece no basquete mundial (NBB, NBA, seleções, Euroliga e feminino), entrevistas, vídeos, bate-papo e muito mais.