Topo
Bala na Cesta

Bala na Cesta

Seleções brasileiras conhecem adversários e caminhos para Tóquio-2020

Fábio Balassiano

27/11/2019 11h09

Terminou há pouco o sorteio da Federação Internacional para os Pré-Olímpicos que definirão os últimos classificados para a Olimpíada de 2020, em Tóquio. Vamos lá.

A Seleção brasileira feminina caiu no grupo com França, Porto Rico e Austrália com sede em Bourges, na França. Destes, 3 avançam pra Olimpíada. A chance, portanto, é boa. Francesas e australianas estão, atualmente, um pouco na frente do Brasil em termos técnicos mas de Porto Rico é um adversário vencível até com certa tranquilidade. O Pré-Olímpico feminino em fevereiro de 2020 (6 a 9). Uma vitória e Tóquio.

No masculino a FIBA optou por "quebrar" as chaves em 2 grupos de 3 países. Brasil vai pra Croácia (Split). De um lado, Rússia, México e Alemanha. Do outro, Brasil, Tunísia e Croácia. Os 2 primeiros de cada chave avançam pra semifinal. Quem vencer faz a final. O ganhador do Pré-Olímpico vai pra Tóquio. Quem perder está fora de tudo. Chave difícil mas ganhável. Podia ter sido BEM pior. O Pré dos rapazes acontece em junho de 2020.

Aleksandar Petrovic, o técnico brasileiro que é nascido e criado na Croácia, jogará contra seu país.

O que acharam? Boas chances para as meninas e razoáveis para a seleção masculina, não?

Sobre o blog

Por aqui você verá a análise crítica sobre tudo o que acontece no basquete mundial (NBB, NBA, seleções, Euroliga e feminino), entrevistas, vídeos, bate-papo e muito mais.

Blog Bala na Cesta