Topo
Bala na Cesta

Bala na Cesta

O que tira do sério jogador da NBA? Suas notas - confira as melhores do próximo game!

Fábio Balassiano

18/07/2019 05h00

Não há nada que tire mais do sério do que jogador da NBA do que as famosas notas (ratings, em inglês) dadas a eles pelos desenvolvedores de jogos da liga (desenvolvedores que são chamados pouco carinhosamente pelos atletas de "mestres de merda").

E essa semana a 2K, que lança anualmente seu game do melhor basquete do mundo, começou a divulgar as visando o 2K20. Sem nenhuma surpresa, os melhores foram LeBron James e Kawhi Leonard, que receberam 97 (dos 100 pontos possíveis) na avaliação. Kawhi terá o mesmo atributo geral que James, mas segundo a produtora será o segundo melhor.

Até pouco tempo atrás era bem comum os atletas irem às suas redes sociais criticar as notas dadas a eles pela produtora do jogo. John Wall uma vez disse que o objetivo da 2K era denegrir as imagens dos atletas. Rudy Gay pediu pra conhecer o rapaz que dá as notas. E LeBron James chegou a afirmar que a pessoa que avalia um atleta com esses atributos assim tão isoladamente não entende nada de basquete. Ato contínuo, duas coisas aconteceram depois disso: a 2K divulgou de forma bem clara os métodos de avaliação dos jogadores. E os jogadores, por sua vez, pararam de criticar o game porque geravam publicidade gratuita para o joguinho.

Um detalhe interessante é que algo que chamou a atenção nas férias da NBA foi a formação de diversas grandes duplas em vários times. LeBron e Anthony Davis nos Lakers, Kawhi e Paul George nos Clippers, Kyrie Irving e Kevin Durant no Brooklyn, James Harden e Russell Westbrook nos Rockets. No 2K20 a melhor, ao menos no joguinho, é a do Los Angeles Lakers, com rating médio de 95,5, acima de Paul George e Kawhi Leonard, dos Clippers:

Um argumento válido e sempre muito utilizado pela 2K é que esses ratings são válidos apenas no lançamento do jogo, já que o game atualiza os atributos dos atletas conforme o desempenho deles na vida real. Logo depois de James e Leonard vêm Giannis Antetokounmpo (96), Kevin Durant (96), James Harden (96), Stephen Curry (95), Anthony Davis (94), Paul George (93), Damian Lillard (92) e Joel Embiid (91) fechando o Top-10.

Entre os calouros Zion Williamson já começa a sua carreira com 82, superando Ja Morant (79) e RJ Barrett (78). Os brasileiros Cristiano Felício, Raulzinho e Bruno Caboclo encontram-se fora do Top-10 de notas e ainda não tiveram seus números divulgados.

Sobre o blog

Por aqui você verá a análise crítica sobre tudo o que acontece no basquete mundial (NBB, NBA, seleções, Euroliga e feminino), entrevistas, vídeos, bate-papo e muito mais.