Bala na Cesta

Primeiro brasileiro campeão da NBA, Tiago Splitter será técnico em evento do Jogo das Estrelas

Fábio Balassiano

18/01/2018 00h20

Primeiro brasileiro campeão da NBA quando levantou o troféu com o San Antonio Spurs em 2014, Tiago Splitter viverá pela primeira vez a experiência de ser técnico em um evento da liga durante o final de semana das estrelas em Los Angeles (entre 14 e 18 de fevereiro).

O pivô de 33 anos foi convidado e topou o desafio de ser um dos treinadores assistentes da garotada que participará do Basquete sem Fronteiras, espécie de laboratório / clínica com meninos de até 19 anos de todo mundo que acontece ao mesmo tempo dos eventos do All-Star Game.

Quer apoiar o Podcast Bala na Cesta e ter recompensas incríveis? Clique e saiba como. É fácil, rápido e com prêmios sensacionais. Vamos nessa?!

“A minha função neste evento será a de assistente técnico junto de alguns treinadores da NBA que foram convidados. Geralmente a liga escolhe alguns técnicos e também jogadores e ex-jogadores para fazer as demonstrações e ensinar pra garotada, pra falar com a gurizada, essas coisas. São dois, três dias bem legais e dá a possibilidade de conhecermos os talentos do mundo todo que poderão vir a atuar na NBA. É uma boa oportunidade pra mim também, pensando em uma carreira de técnico no futuro. É bom para conhecer, estar no meio, bater papo com os demais treinadores. Tem muita gente olhando e no All-Star sempre surgem muitas coisas”, disse Tiago Splitter em contato com o blog na tarde de ontem e lembrando que em 2017 já havia participado da clínica, só que nas Bahamas ao lado de Anderson Varejão.

Sem jogar desde o final da temporada passada, quando defendeu o Philadelphia 76ers, Tiago Splitter busca recuperar a melhor forma física após operar o quadril em 2016. As propostas para voltar a atuar na NBA ainda não chegaram, porém, e o atleta tem se preparado desde já para o que virá depois que ele encerrar a sua carreira como jogador. Além de dirigir os atletas no evento da NBA em fevereiro deste ano, Tiago participou, usando a “lente” da comissão técnica, da pré-temporada de San Antonio Spurs e Atlanta Hawks, times pelos quais atuou e com quem mantém excelentes relações com os técnicos Gregg Popovich e Mike Budenholzer.

“Sobre a minha situação, está tudo meio parado. Essa é a verdade. Minha condição física não está ajudando muito também, então não dá pra falar muito. Deu uma parada, uma estancada mesmo. Cada vez está mais difícil jogar na NBA, já que os times estão indo pra talentos jovens, prospectos, com a ideia de futuro. Quase todos os brasileiros estão saindo da NBA (Anderson Varejão, Marcelinho Huertas, Leandrinho e eu), só ficando da galera mais velha o Nenê. Acho que o momento é da garotada mais nova. É um pouco do efeito do Golden State Warriors, que vai dominar o basquete por muito tempo e faz com que grande parte das equipes do campeonato pense mais no futuro do que no presente. Essa é a situação. Não tenho nada e nem proposta. Minha ideia é NBA e isso não mudo. Estou vendo outras coisas também, já preparando o futuro para quando acabar minha carreira de atleta. Não sei se será como técnico, dirigente, na mídia, com outras situações. O que estou fazendo mesmo é meu Instituto, que está acontecendo lá no Sul. Estou feliz com isso e vendo que as possibilidades novas estão se abrindo para mim”, finaliza Tiago.

Sobre o blog

Por aqui você verá a análise crítica sobre tudo o que acontece no basquete mundial (NBB, NBA, seleções, Euroliga e feminino), entrevistas, vídeos, bate-papo e muito mais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Topo