PUBLICIDADE
Topo

Coluna ExtraTime: Abdul-Jabbar afirma que pouco tempo de NCAA afeta qualidade da NBA

Fábio Balassiano

19/06/2012 15h33

"Sou constantemente perguntado sobre os motivos que levaram as pontuações da NBA a terem caído tanto. Para se ter uma ideia, no jogo 6 das finais da NBA entre Lakers e Celtics (vitória do Los Angeles), o Boston anotou 100 pontos, patamar mínimo de qualquer um dos times naquela série final. Naquele jogo, os Celtics tentaram nova bolas de três, o máximo da decisão"

"Como contraste, neste ano vemos poucos times chegando aos 100 pontos e mais de uma dezena de chutes do perímetro por noite. Antes focávamos mais em criar espaços e em tentar tiros com maior possibilidade de acerto (de perto da cesta). Muitas coisas mudaram (as regras, a liberação das defesas por zona, etc), mas o maior problema vem antes dos jogadores entrarem na liga"

"Na minha época, os times da NBA eram repletos de atletas que tinham passado um tempão na universidade, jogando para técnicos renomados e disputando palmo a palmo minutos de quadra contra outros grandes jogadores. (…) Hoje em dia, o que vemos são atletas que ficam muito pouco tempo nas faculdades, que se tornaram apenas um pré-Draft para jogadores ótimos no um-contra-um e ainda não tão ótimos no jogo coletivo como deve ser encarado o basquete"

"O que acontece é que estes atletas nunca chegam, ou chegarão, aonde poderiam chegar. Eu trabalhei pessoalmente com um atleta (nota do editor: Jabbar foi técnico de Andrew Bynum quando o jovem chegou ao Los Angeles Lakers) que não conseguia ajustar as suas incríveis habilidades físicas ao grande jogo que é o basquete."

"Outro caso interessante é o de Dirk Nowitzki. Pessoas contam que ele deixou de vir jogar na NCAA porque ele teria problemas em defender e pegar rebotes. Ele foi para a NBA, e sinceramente acho que ele, embora um ótimo arremessador, poderia ter se tornado um atleta extraordinário se tivesse sido ensinado a defender, bloquear, essas coisas."

"Os times titulares da NBA hoje em dia raramente contêm atletas com um extenso currículo de serviços prestados ao basquete universitário, e eu acho de verdade que isso tem afetado a qualidade do basquete que temos assistido. Concluindo: os torcedores de hoje não têm recebido o espetáculo que eles deveriam receber simplesmente porque os atletas não sabem como fazer, não foram ensinados. Acho que isso tudo tem a ver com o 'progresso' que o basquete norte-americano quer dizer que tem nos últimos anos."

As declarações são de Kareem Abdul-Jabbar, seis vezes campeão e MVP da temporada, e foram retiradas de um artigo escrito por ele (aqui) para o site da ESPN. Kareem fala sobre a qualidade atual dos jogos da liga norte-americana, sobre a formação dos jogadores e sobre como um período maior na faculdade afetam no que vemos nos jogos da NBA. Sem dúvida vale a reflexão sobre o assunt, não?

Concorda com Kareem? Comente na caixinha!

======

Coluna originalmente publicada em 18.06.2012 no ExtraTime, site hospedado no UOL.

Sobre o blog

Por aqui você verá a análise crítica sobre tudo o que acontece no basquete mundial (NBB, NBA, seleções, Euroliga e feminino), entrevistas, vídeos, bate-papo e muito mais.