Bala na Cesta

Nowitzki é 1º estrangeiro com 30 mil pontos na NBA; veja 7 curiosidades

Fábio Balassiano

08/03/2017 01h03

E foi com essa cesta que Dirk Nowitzki que entrou na história da NBA ontem à noite.

O alemão fez 25 pontos na vitória do Dallas Mavs contra o Lakers por 122-111 e se tornou o primeiro estrangeiro a chegar a marca dos 30 mil na história da NBA (agora ele tem 30.005). Dirk já era o “gringo” com o maior número de pontos, continua em sexto na lista dos maiores pontuadores de todos os tempos e se aproxima de Wilt Chamberlain, o quinto, que anotou 31.419 em sua carreira.

Isso é o que você já sabe sobre Dirk Nowitzki. O que há de mais curioso na carreira do astro de 38 anos do Dallas Mavericks? Vamos lá!

1) Técnico particular desde os 15 anos -> Holger Geschwindner viu Dirk Nowitzki pelo DJK Würzburg e ficou impressionado. Ofereceu-se para treiná-lo de graça três vezes por semana e criou forte relação com Dirk desde então. Até hoje faz treinos individuais com Nowitzki no Texas. A diferença é que agora Holger é muitíssimo bem pago.

2) Começo difícil em Dallas -> Dirk Nowitzki chegou ao Dallas no Draft de 1998. Foi selecionado na nona posição daquele ano – e logo ridicularizado pela imprensa americana, que se perguntava como o manda-chuva do Mavs, o veterano e visionário Don Nelson, havia recrutado um garotão de 2,13m tão desengonçado assim. As primeiras impressões deram razão à mídia local. Dirk jogou 20 minutos por jogo naquele ano, teve menos de 9 pontos por jogo e chutou apenas 20% nas bolas de três pontos.

3) Steve Nash, primeiro companheiro e melhor amigo -> Dirk não esconde de ninguém que um dos principais responsáveis por ele ter evoluído, e não desistido, foi Steve Nash, contratado pelo Dallas no mesmo ano que ele chegou a franquia. Nash veio trocado do Phoenix Suns, onde não tinha espaço, e também precisou de tempo para se adaptar. O interessante é que ambos foram MVP’s de temporadas regulares anos depois. Nash em 2005 e 2006 na sua volta ao Phoenix. Nowitzki em 2007 pelo Dallas.

4) Choro no título – mas no vestiário -> Após amargar o vice-campeonato em 2006 contra o Miami, Dirk e os Mavs tiveram a chance da revanche cinco anos depois. E aí eles se deram bem ao vencer LeBron James, Dwyane Wade, Chris Bosh e os Heat por 4-2 naquela final. Eleito o MVP das finais, Nowitzki não se aguentou de emoção e começou a chorar quando o jogo se aproximava do final. Com a partida decidida e o relógio perto de sinalizar o fim da decisão o alemão não teve dúvida – correu pro vestiário para desabafar e se derramar em lágrimas. Em entrevista dada ao blog logo depois daquela decisão ele afirmou: “Naquele momento eu pensei em todo o árduo trabalho que tive até realizar o meu sonho, que era ganhar o troféu da NBA. Senti que as lágrimas estavam chegando e precisava de um momento sozinho no vestiário para chorar e me recuperar em paz”.

5) Um dos melhores arremessadores de três pontos da NBA -> Dirk Nowitzki é considerado um dos melhores arremessadores de três pontos da história da NBA. Para alguém de 2,13m, sua habilidade para conseguir arremessos de longe foi e é até hoje espantosa. Na temporada 2009/2010, Dirk, já aos 31 anos, chegou a atingir 42% de aproveitamento, algo mais alto que os 40% de Steph Curry atualmente. Desde 2004 ele tem no mínimo 35% de aproveitamento.

6) Cansado após a NBA foi jogar na seleção -> Dirk estava cansado depois da temporada 2007/2008 da NBA, mas tinha algo na cabeça: jogar a Olimpíada por seu país. Jogou no Pré-Olímpico daquele ano na Grécia, garantiu a vaga dos germânicos e foi uma das principais estrelas dos Jogos de Pequim, onde teve 17 pontos de média e foi o porta-bandeira de seu país na cerimônia de abertura. Dirk, no dia da abertura, chegou a cortar o cabelo deixando os arcos olímpicos amostra, em uma clara alusão a realização de um de seus sonhos de criança. Se aposentou da seleção em 2015 quando os alemães não conseguiram vaga no Rio-2016.

7) Desilusão amorosa e superação -> Dirk namorou Sybille Gerer, jogadora de basquete alemã, de 1992 a 2002, quando ambos se separaram amigavelmente. Nowitzki, então, começou a namorar Cristal Taylor, com quem manteve relacionamento explosivo e doloroso para o astro alemão no final, em 2009. Dirk disse ao jornal Bild na época da separação: “Quando nos separamos estava bem chateado. Não conseguia pensar em outra coisa e posso afirmar que fiquei realmente furioso com os acontecimentos. Ainda quero formar uma família mas agora eu não sei mais quando conseguirei”. Logo depois terminar com Cristal Dirk conheceu Jessica Olsson (foto), irmã dos ex-jogadores de futebol suecos Martin e Marcus Olsson. Com Jessica Dirk tem um casal de filhos.

Sobre o blog

Por aqui você verá a análise crítica sobre tudo o que acontece no basquete mundial (NBB, NBA, seleções, Euroliga e feminino), entrevistas, vídeos, bate-papo e muito mais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Bala na Cesta
Topo