Bala na Cesta

Vitória-BA tira 13 pontos em 3 minutos e vira jogo épico contra Campo Mourão no playoff do NBB

Fábio Balassiano

Vitória-BA e Campo Mourão se enfrentavam pelo jogo 2 do playoff do NBB ontem à noite em Salvador. O time baiano tinha 1-0 na série, queria se aproximar da vaga para as quartas-de-final, mas enfrentava um adversário inspirado. O time do técnico Emerson de Souza vencia por 75-62 faltando 3 minutos para acabar a partida e pouca gente no ginásio Cajazeiras acreditava em uma recuperação dos donos da casa.

Mas aí a magia do basquete entrou em quadra. Olha só o tanto de coisa que aconteceu faltando menos de 90 segundos para acabar a partida:

Keyron acertou arremesso e reduziu o déficit do Vitória para 11 pontos (restavam 02:36). Dawkins acertou dois lances-livres e Campo Mourão viu a diferença cair para 9 (75-66). Faltavam 01:55. Brown acertou um arremesso pelos visitantes, mas no ataque seguinte Renato descontou, colocando o placar em 77-68 com 01:36 por jogar. Pastor acertou um e errou outro lance-livre para os paranaenses (01:19). Dawkins de três, logo em seguida dois lances-livres e depois uma bola de dois pontos (75-78, 39 segundos).

Os 35 segundos finais foram de tirar o fôlego. Douglas Nunes acertou dois lances-livres, colocando Campo Mourão com 80-75 faltando 32 segundos. Arthur reduziu a diferença para 78-80 com o relógio marcando 29 segundos por jogar com cesta + lance-livre de bonificação. Após dois lances-livres errados de Douglas, Renato sofreu a falta e teve a chance de empatar tudo para o Vitória com dois lances-livres.

O pivô errou o primeiro, e deveria desperdiçar o segundo para dar a chance de um rebote ofensivo para o seu time, né? Aí a magia entrou em cena… Dá só uma olhadinha. Bola de três salvadora para o Vitória de Andre Goes após roubada de… Renato, o que acertou o lance-livre. É lindo ou não é esse tal de basquete?

Tags : NBB